Defensora e autora da indicação para construção de barragens subterrâneas, deputada comemora investimento do Governo em AL

Defensora e autora da indicação para construção de barragens subterrâneas, deputada comemora investimento do Governo em AL

A indicação da deputada estadual Fátima Canuto para a promoção, construção, funcionamento e manutenção de barragens subterrâneas na região do semiárido alagoano rendeu bons frutos. É que Governo de Alagoas investirá R$ 1,5 milhão na execução do Programa Estadual de Barragens Subterrâneas. A parlamentar comemorou o investimento e relembrou que, além de trazer benefícios para as famílias, as barragens subterrâneas contribuem para o desenvolvimento socioeconômico do Estado.

A parlamentar também foi propositora de uma sessão especial ocorrida na Assembleia Legislativa em 2019, onde buscou trazer o tema das barragens subterrâneas . “Lembro que na época, muitas pessoas não sabiam como funcionavam e quais eram os benefícios que as barragens subterrâneas poderiam trazer”.

E relembrou que a ida à São José da Tapera para conhecer a barragem do Seu Dedé, como é conhecido, foi o que fez ela defender , acreditar e investir na indicação das barragens. “Seu Dedé construiu a primeira barragem subterrânea com uma estrutura de armazenar 750 milhões de litros d’água. Depois veio a segunda barragem com capacidade para 25 milhões de litros”, contou. “Ele é um homem importantíssimo para o nosso Estado”, completou.

Segundo Fátima Canuto, com as barragens, Alagoas ganha mais uma opção para o abastecimento de água para comunidades entre seis e 10 famílias, melhorando as condições de vida, contribuindo para o fortalecimento da agricultura familiar e produtores de leite, como também segurança alimentar e nutricional.

Com o investimento do Governo, o motivo é de comemoração. “Fico muito feliz e satisfeita quando vejo que nossa indicação deu certo e que vai beneficiar as famílias, assim como o nosso Estado. O meu papel enquanto parlamentar é esse: criar ações que possam transformar a vida das pessoas positivamente “, comentou.

por Assessoria